For a better experience please change your browser to CHROME, FIREFOX, OPERA or Internet Explorer.
Quando Londres vira moradia, legal!

Quando Londres vira moradia, legal!

Passagens compradas, passaporte válido e o desembarque na capital londrina. Londres não necessita de visto prévio, como ocorre, por exemplo, em terras americanas, no caso a autorização “Standard Visitor” é concedida pela autoridade da imigração na chegada do país. Para isso é necessário que seja provado de forma documental, que você é realmente um visitante, que há intenção de deixar o país, e que tem recursos suficientes para hospedagem sem ter necessidade de trabalhar. Os documentos, junto ao passaporte devem ser entregue a Imigração juntamente com o “Landing Card”, um formulário de desembarque, onde é preciso preencher com nome, sobrenome, data, local de nascimento, sexo, nacionalidade, ocupação atual, dados do passaporte e da viagem, além de endereço completo da acomodação no Reino Unido.

Como turista, você tem direito a no máximo 6 meses de visto, em um período de um ano. Nesses 6 meses, você pode estudar e viajar por todo o Reino Unido sem a necessidade de passar por um controle de fronteira. Porém muitos que escolhem The Square Mile como moradia, oportunidade de estudo e trabalho. Londres é uma das maiores economias do mundo, com qualidade de vida e oportunidade de ganho que está no sonho de muitos, principalmente dos brasileiros, segundo último estudo do IBGE, são mais de 300 mil imigrantes na terra da rainha.

É possível ficar legal? É possível ter o visto de residência, para estudo ou trabalho. A indicação é que o processo seja feito ainda no Brasil, e com prazo de até três meses de antecedência. Em estadia acima de 90 dias, é necessário autorização da imigração específico, feito de acordo com o que irá exercer no país, seja trabalho ou estudo.

O procedimento deve ser feito mediante formulário, disponibilizado na página oficial do Governo Britânico. Devem ser passada todas as informações pedidas, e há também descrito a lista de documentos que devem ser entregues. É necessário listar o motivo (s) para ida à Londres, como turismo, visita a amigos ou familiares, estudos, união civil, tratamento médico, negócios diplomáticos, visita acadêmica (congressos, seminários, etc) ou trabalho.

A autorização legal para ficar legalmente como estudante, o “entry clearance”, varia entre 6 a 11 meses, desde que esteja matriculado em um curso com carga superior a 15 horas semanais/ diurno. Só é permitido estudar e trabalhar com autorização prévia, “tier4”, obtido com certificado CAS, que avalia o nível de inglês, como suficiente para trabalhar.

Trabalhar em Londres – A escolha do visto e um bom inglês garante as melhores oportunidades de trabalho. O visto de trabalho (work permit) permite que se trabalhe em tempo integral (full time), com salário mínimo calculado por hora. A proficiência no idioma local é exigida para este tipo de visto, principalmente em validação de diplomas de curso superior, IELTS, além de outros requisitos. Porém muitas ofertas fazem com que muitos trabalhem mesmo de forma ilegal, em oportunidades como babá, ajudante cozinha, garçom, entregador, entre outros.

Dentro da Legalidade

A autorização para morar em Londres é conforme o que a cidade precisa ou o futuro morador pode oferecer, tanto para trabalho ou estudo. “Tier 2” – para trabalhadores considerados de alta capacitação profissional. Neste caso, é necessário comprovar a oferta de emprego e a empresa deve explicar a necessidade do emprego de outra nacionalidade. O visto pode ser estendido por no máximo 6 anos. “Tier 4” – para períodos inferior a seis meses, não é permitido que a pessoa trabalhe, em hipótese alguma, salvo em caso de graduação e pós-graduação, respeitando as cargas horárias estabelecidas pelo consulado. “Tier 5”- para estudantes que desejam morar em Londres e estejam vinculados em algum programa de mobilidade com duração máxima de dois anos, autorização também pode ser concedida aos trabalhadores temporários por no máximo um ano. Estão listados aqui intercâmbio, voluntariado, ações humanitárias, participação em eventos esportivos ou religiosos.

Regularizar a situação imigratória

Há critérios específicos que garante ao estrangeiro que mora ilegalmente em Londres solicitar visto de residência. Entre eles está a paternidade/maternidade de filho nascido em território britânico, com residência deste pelo menos 7 anos no país. A autorização é familiar para todos os membros consangüíneos. Viver no país há mais de 20 anos, é possível abrir o processo de regularização. O tempo diminui para 7 anos contínuo, se ela for menor de 18 anos. E se tiver idade entre 18 e 25 anos e morou metade da vida na capital londrina. Todos os casos são avaliados pelo governo inglês.

Mais informações sobre vistos e imigração, clique aqui e preencha nosso formulário de imigração.

leave your comment


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top