Ex-marido vai à corte pelo assassinato de Aliny Mendes

Ricardo Godinho, 41 anos, compareceu ao Tribunal de Guildford e está mantido em custódia, acusado de homicídio e posse de arma laminada.

Ricardo Godinho foi acusado de assassinato .

Ricardo está conversando através de um intérprete português, devido a sua nacionalidade brasileira e italiana.

Não houve pedido de fiança e uma audiência de preparação para o julgamento foi marcada para 15 de março.

O detetive chefe inspetor Mark Chapman afirmou: “Agora posso confirmar que Aliny Mendes e Ricardo Godinho eram casados mas se separaram. No entanto, continuarei a pedir às pessoas que não especulem sobre os detalhes em torno das circunstâncias do que aconteceu, e que, se alguém tiver qualquer informação que possa ajudar em nossa investigação, entre em contato conosco.”

Uma campanha de arrecadação de fundos on-line criada para o translado do corpo de Aliny para o Brasil superou sua meta de 40 mil libras.

Outro homem preso por suspeita de auxiliar no crime foi libertado sem mais nenhuma acusação.

A polícia de Surrey disse que o caso foi encaminhado ao Escritório Independente de Conduta Policial.

Mãe de quatro filhos, Aliny Mendes, de 39 anos, morreu depois de ser atacada em London Road, Ewell, Surrey, na tarde de sexta-feira. A polícia de Surrey disse que um homem saiu de um carro na London Road e a atacou.

Segue o link para doação:

Notícia retirada do site BBC.

VISTOS E ADVOGADOS DE IMIGRAÇÃO CONSULTA GRÁTIS

CLASSIFICADOS NA INGLATERRA

SEGURO DE VIDA E ACIDENTES NA INGLATERRA

Comentários